O guitarrista Júnior Zeni, da banda de Thrash Metal Blood Ocean, compartilhou um depoimento sobre as conquistas do grupo ao longo do ano de 2023. “Em menos de oito meses desde a fundação em outubro de 2022, a banda compôs e gravou um álbum independente intitulado “Sublime Apocalypse,” contendo 11 faixas.

O processo de produção envolveu intensas sessões de correção de sonoridade, aprimoramento de letras e a conclusão com a masterização do álbum no Mattiello Music Production. Apesar de termos finalizado o trabalho em meados de julho, a decisão estratégica de lançar o álbum nas plataformas digitais em setembro foi adotada para melhor divulgação. Antes do lançamento, a Blood Ocean presenteou os fãs com três singles, com destaque para o vídeo em animação para “World In Silence”, recebendo uma resposta calorosa dos Headbangers. ”

O destaque do ano foi o show de lançamento de “Sublime Apocalypse” no Rising Power Studio, realizado em parceria com a banda Downhatta. Júnior Zeni enfatizou a pressão enfrentada durante os ensaios, a entrada do vocalista Ricardo Viola e o sucesso retumbante do evento, que deixou uma perspectiva altamente promissora para 2024.

Quanto às expectativas para o novo ano, o segundo capítulo na trajetória da Blood Ocean, a banda anunciou a saída de Douglas Perez por motivos pessoais. No entanto, agora se apresentará como quarteto, com Marcão Melloni (bateria), Ricardo Viola (vocais) Anderson Mattiello (baixo) e Júnior Zeni (guitarra) prometendo shows pontuais e um novo disco no segundo semestre de 2024. Atualmente, a banda já está imersa na criação de novas demos.

Acompanhe o Blood Ocean nas redes sociais

https://www.instagram.com/blood.ocean.official/

https://www.youtube.com/@BloodOceanOfficial

Fonte : Raphael Arizio – Assessoria de Imprensa


Siga o NoiseRed no Google News e receba alertas sobre as principais notícias

By Biano

Agente secreto URSAL a serviço no Brasil , curtidor de Músicas Subversivas e um tanto extremas, degustador de cerveja !

Deixe uma resposta