Créditos Fotografia: Ana Di Castro

A Fenrir’s Scar lançou seu tão aguardado segundo álbum de estúdio, “Love | Hate | Hope | Despair”, unindo Metal Alternativo ao Gothic Metal, uma fusão que vinha explorando desde seu disco de estreia. Este lançamento foi precedido por uma série de singles e videoclipes, chegando até mesmo às telas de cinema com uma de suas faixas. “Love | Hate | Hope | Despair” nos mostra uma banda ainda mais madura e contemporânea, com composições profundas e carregadas de mensagens cruciais que exploram nossos sentimentos e os desafios do nosso tempo. O álbum busca criar laços emocionais, oferecendo consolo e conexão por meio de suas músicas poderosas.

Ouça o álbum abaixo:

Fundada em meados de 2015, a Fenrir’s Scar é um duo de Alternative Gothic Metal liderado pelo músico Andre Baida (Vocal, Baixo, Guitarra) e pela vocalista e letrista Desireé Rezende, que através de sua obra vem no decorrer de quase uma década de existência obtendo críticas excelentes do público e da mídia especializada, tendo seu debut indicado em inúmeras listas de melhores álbuns do ano em 2017. Através de sua música e engajamento com com seu público, a banda vem alcançando uma posição de destaque no underground em quase uma década de trajetória, pavimentando o caminho que os trouxe até aqui com muita batalha e realizações.

Desireé Rezende comentou o lançamento do álbum:

“Apesar de já termos lançado como singles a maioria das músicas, é um marco muito importante lançar o álbum completo finalmente. Foram anos compondo, gravando, produzindo. E muitos adiamentos, tanto por conta da pandemia como por problemas pessoais, mas também por estratégia de marketing, com os singles já lançados o álbum já estreia com mais de 160 mil plays apenas no Spotify. Eu jamais esperaria esse número, mesmo sendo otimista, é surreal por sermos independentes, e muito gratificante também”

“Acredito que esse álbum mostra muito da nossa evolução como compositores e músicos, principalmente em relação aos nossos vocais. Tem muito sentimento e verdade nas nossas letras. E mostra que estamos cada vez mais próximos de atingir a nossa maturidade musical”, acrescentou Andre Baida.

Apesar da identificação da banda com o Gothic e o Alternative Metal, “Love | Hate | Hope | Despair” vai muito além dos limites desses gêneros, trazendo elementos que atestam a versatilidade das composições e o dinamismo dos músicos. As músicas soam ainda mais pesadas, modernas e profundas em comparação ao primeiro álbum, carregando inúmeros momentos memoráveis e comoventes, que por vezes acalentam as emoções e em outros rasgam os sentimentos de maneira visceral.

O peso e a agressividade estonteantes capitaneados pelos riffs de Andre estão presentes nas épicas e grandiosas “Ruins of My Sanity” e “Break the Wheel”, e até mesmo na cadenciada “Blinded”.

As melodias e arranjos encantadores de “Curse of Mankind”, “Blinded”, “All Your Tears”, “Heal You” e “Reason to Believe” são absolutamente comoventes, com destaques para a emoção transmitida pela combinação das vozes. Sons contemporâneos e até mesmo alguns experimentalismos que flertam com a música industrial podem ser encontrados em “Age of Arrogance” e “The Enemy Inside”, enquanto “The Harvest” e “Queen of the Seas” surpreendem por seus elementos bastante atípicos na sonoridade da banda.

Com produção de Fabiano Negri no Estúdio Cultura Pop, em Campinas-SP, o álbum é inteiramente composto por André Baida e Desireé Rezende, com as baterias gravadas por Icaro Ravelo (Arkana Fen, Ruins of Elysium) e piano e solos de guitarra por Fabiano Negri.

Saiba mais sobre a Fenrir’s Scar e acompanhe todos os detalhes do lançamento pelo Instagram @fenrirsscar ou no site www.fenrirsscar.com.

Fonte: Hell Yeah Music Company

By Biano

Agente secreto URSAL a serviço no Brasil , curtidor de Músicas Subversivas e um tanto extremas, degustador de cerveja !

Deixe uma resposta