Crédito: Hecthor Murilo (@hecthormurilo)

Single chega ao streaming pela Teia Records, com apoio da Läjä Records (selo de Fábio Mozine, do Mukeka di Rato).

Após uma vitoriosa e suada turnê de divulgação do álbum de estreia, a banda de surf punk Maré Tardia, de Vila Velha (Espírito Santo) ataca novamente com ‘As Ondas‘, o primeiro single do novo EP ‘Jovens Estúpidos’.

Ouça o novo single aqui: https://onerpm.link/885555563118.

As Ondas, o abre alas do vindouro EP ‘Jovens Estúpidos, conta com linhas de baixo pulsantes e guitarras inundadas em chorus. O single foi gravado ao vivo, sem metrônomo e em apenas um take! Com overdubs de guitarra e voz.

A produção é do guitarrista e vocalista Gustavo Lacerda e a faixa chega ao streaming pela Teia Records, com apoio da Läjä Records (a selo de Fábio Mozine, do Mukeka di Rato).

O baixo é pulsante, frenético, acompanhado de um vocal que transita entre o exaltado e o meloso, mas tudo dentro do script do dinâmico e único punk surf do Maré Tardia.

O lançamento de As Ondas prepara a chegada do EP no dia 13 de outubro, já gravado, com a assistência do produtor indicado ao Grammy, Daniel Tápia, no estúdio da Universidade Federal do Espírito Santo. São cinco músicas pulsantes para jovens perdidos.

Com referências que vão desde Erasmo Carlos, The Doors e Joy Division a The Growlers, Surf Curse e Boogarins, a Maré Tardia bebe das fontes do surf punk, indie rock e psicodelia setentista.

A Maré Tardia

Em um mergulho nas ondas hipnóticas de sua fusão do surf punk com indie rock, a Maré Tardia emerge das areias escaldantes da costa de Vila Velha – ES.

Com letras em português, suas músicas exaltam a cultura praiana de sua terra natal, costurando uma ligação entre o lendário surf music de Dick Dale, as psicodelias fascinantes dos anos 60, o punk clássico dos anos 70 e o indie rock moderno.

Fundada em 2019 por Bruno Lozório (guitarra/voz), Gustavo Lacerda (guitarra/voz), Matheus Canni (baixo) e Caio Mendonça (bateria), a sonoridade do grupo une guitarras e voz encharcadas de delay e reverb com baixo melódico e bateria frenética.

A originalidade e identidade nostálgica da banda somada a sua performance enérgica, visceral e contagiante ajudou a banda a construir rapidamente uma base sólida de ouvintes, tendo conquistado alguns milhares de fãs pelo Brasil e pelo mundo. Após certo show, um fã disse à banda que a música o fez sentir como se tivesse mergulhado numa nostalgia de algo que nunca viveu.

A Maré Tardia lançou de forma independente seus quatro primeiros singles em 2021 e com isso, o grupo assinou para a gravação de seu primeiro álbum, autointitulado, lançado em novembro de 2022 com a Forever Vacation Records, sob a produção musical e mix de Alexandre Capilé (Sugar Kane) e produção executiva da Läjä Records de Fabio Mozine (Mukeka di Rato, Merda). O álbum teve repercussão muito positiva, e fez com que a banda entrasse numa turnê nacional de última hora dois meses após o lançamento.

Maré Tardia nas redes
www.instagram.com/maretardia
https://linktr.ee/maretardia

Fonte: Tedesco Mídia

By Biano

Agente secreto URSAL a serviço no Brasil , curtidor de Músicas Subversivas e um tanto extremas, degustador de cerveja !

Deixe uma resposta