Crédito: Felipe Vieira (Fredinho)

Unindo elementos do Punk Rock, Indie Rock, Folk e Rock N Roll, inspirados no blues americano e na música preta brasileira, o grupo TREVA acaba de lançar o clipe da faixa “Flama” no Canal Scena via Scena Lab.

Assista aqui

Flama é, antes de tudo, uma música de resgate da fé em si mesmo. É sobre reacender a chama em um momento onde a esperança parece esmaecer e a realidade parece se impor. É sobre fazer de sentimentos duros como frustração e ódio, um lar confortável para a reconstrução das próprias ideias e combustível para continuar as lutas diárias por sobrevivência e liberdade.
A letra de “Flama” tem linhas auto-biográficas e surge como uma de poesia de libertação, trazendo em seu âmago a ideia do ressurgimento, do resgate dos sonhos, retomada da esperança e sobrevivência. Quando o tempo é incerto e não há muito a perder, tudo que resta é manter aquilo que ainda está vivo na alma, se manter vivo, lutar e deixar a Flama arder.

A faixa, que foi gravada por Fernando Sanches, Rodolfo Duarte e Chris Wiesen, no Estúdio El Rocha. Mixagem e masterização por Fernando Sanches, contou com backing vocals de Julie Xavier, piano e harmmond de Gabriel Menndezz. A filmagem ficou a encargo de Estevam Romera no Family Mob Studio, assim como edição, roteiro e direção. Photo Still por Maya Melchers.

“Foi uma ideia minha fazer um clipe dentro de um clima que remetesse a um Studio Session de bandas de Soul ou Blues. Me inspirei em bandas como Alabama Shakes e artistas como Gary Clarck Jr. E desde o começo eu tinha a certeza que o olhar e do Estevam seria perfeito pra isso, pois ele tem essa característica com cores quentes e uma direção que são muito próprias e marcantes. Eu sabia que se encaixaria perfeitamente no tipo de sensação que gostaríamos de passar com a música.” Comenta Felipe Ribeiro.

Sobre o TREVA:

TREVA é uma banda que teve seu início em meio ao período de pandemia e que se tornou uma realidade em 2022. Fazendo uma junção entre Punk Rock, Indie Rock, Folk e Rock N Roll, bastante inspirados no blues americano e na música preta brasileira, a sonoridade tráz influências de bandas como Social Distortion, The Clash, TSOL, Bad Religion, Chuck Reagan e até mesmo coisas como Nirvana, Mudhoney, Jimmy Eat World, CPM22, Zander; tudo isso envolto em uma atmosfera de negritude e desassossego trazida das periferias do Brasil e fomentada no caos e na melancolia da cidade de São Paulo.

Siga o TREVA nas redes sociais: Instagram: https://www.instagram.com/oficialtreva/ Facebook: https://www.facebook.com/profile.php?id=100083570691043 Tik Tok: https://www.tiktok.com/@oficialtreva YouTube: https://www.youtube.com/@UCuqeUq69E9jDxeLnnOrXMzw

Fonte: Scena Lab

By Biano

Agente secreto URSAL a serviço no Brasil , curtidor de Músicas Subversivas e um tanto extremas, degustador de cerveja !

Deixe uma resposta