No ano em que comemora 3 décadas ininterruptas na estrada, o Uganga passa por uma de suas mais marcantes mudanças. Após 21 anos no grupo, o baterista Marco Henriques (irmão do vocalista Manu Joker) abandonou o posto de baterista. Ao contrário do que normalmente acontece quando existem mudanças na formação de uma banda, no caso dos mineiros tudo correu de forma tranquila, ao menos dessa vez.
“Eu só tenho a agradecer por esses 21 anos, desde que o Manu me fez o convite. Muito aprendizado, histórias, viagens, me desenvolvi bastante como baterista tocando no Uganga. No momento é uma escolha pessoal mesmo, de querer dedicar mais tempo a outras coisas. A Incêndio ( https://www.incendioshop.com.br/musica/ ) seguirá cuidando da parte de merchandise e desejo toda a sorte pros caras.”

Em plena “Libre Tour – Uganga 30 Anos” a banda encontrou uma maneira interessante de usar os imprevistos a seu favor. A ideia foi criar algo especial para essa celebração, tanto de aniversário quanto de legado, como explica o vocalista Manu Joker:
“Por mais que a maioria das pessoas tenham sido pegas de surpresa com as novidades, na real a única coisa fora do previsto mesmo foi a saída do Umberto (guitarrista). Em relação ao Marco era algo que já estava no ar antes de começarmos a trabalhar o “Libre!”(2022 – Xaninho). Em janeiro de 2023 o desligamento foi definido 100%  e todos achamos melhor fazer ao menos uma parte da tour de 30 anos com a formação que gravou a maioria dos albúns. Temos muito orgulho do que criamos juntos, a assinatura dessa banda foi moldada por esse time e pra tudo ficar ainda mais “em casa” chamamos nosso irmão Thiago Soraggi (Attero, CxDxFx) para ocupar a outra guitarra nessas datas. Tem sido uma experiência incrivelmente positiva viver e reviver tanta coisa de novo com esse time.”

O novo baterista tem nome e data para estrear. Joey Silva (Myriad, Lado Brasil) já foi confirmado no posto e fará sua primeira apresentação com o Uganga na cidade de Piracicaba SP no dia 18 de agosto. Antes disso a banda fará 3 datas no Triângulo Mineiro ainda com a formação atual e depois  toca no Pará ao lado de bandas como Violator, Delinquentes e Warshipper, entre outras, nos festivais Dia D (Belém – 13/07) e Porthell (Portel – 15/07). Para essas duas datas foram convidados os músicos paraenses Alexandre Durães (Ex-Inferno Nuclear) e Vitormento, respectivamente guitarra e bateria.
“Esse é o momento que vivemos e somos gratos por poder estar aqui tanto tempo depois, cheios de energia e com a faca nos dentes pro que vem pela frente. O Uganga é definitivamente uma família. Lançaremos um mini doc que vai retratar muito bem esse momento e depois disso o foco será 100% no novo album.” finaliza o vocalista.

Ouça “Libre!” aqui:

Infos: https://linktr.ee/Uganga

Fonte : Underdose – Assessoria & Produção

By Biano

Agente secreto URSAL a serviço no Brasil , curtidor de Músicas Subversivas e um tanto extremas, degustador de cerveja !

Deixe uma resposta